26 de setembro de 2010

A lenda das sereias

Hey there!
Tudo bem com vocês? :)
A matéria de hoje é parte relacionada ao Japão e parte ao mundo. Tive a idéia de pesquisar mais sobre ela vendo o filme "Sairen" (ou, em inglês, Forbidden Siren), e espero que gostem.
So, vamos lá.

~ Merfolks, mermans, mermaids.

A lenda que conta sobre uma curiosa criatura mitológica que tem metade do corpo humana e metade peixe é conhecida pelo mundo todo. No Brasil, chamamos essas criaturas de sereias, e na maior parte das histórias a metade humana dela é mulher e jovem.
Lá fora, entretanto, as sereias têm várias definições e aparências. Alguns escritores e poetas antigos as descrevem sendo parte humanas e parte pássaros, mas estas são um capítulo à parte dessa lenda.
Na Europa, as criaturas são chamas de "merfolks". Sereias jovens são "mermaids" e os tritões "mermans". Na maior parte das histórias sobre sereias é raro o caso onde apareça uma destas criaturas em idades mais avançadas.





~ A Lenda.

Conta-se que sereias são criaturas que vivem em alto mar e que suas metades humanas são de uma beleza estonteante. Elas usam sua bela voz para cantar e encantar marinheiros que navegam por onde elas vivem, hipnotizando-os de tal forma que percam o controle de seus barcos e colidam com rochedos, afundando.
Há lendas um pouco mais "fantasiosas" onde sereias resgatam homens que estão se afogando no mar e posteriormente acabam apaixonando-se por eles, mas a verdade é que estas criaturas são vistas como um má presságio, pois são raras as histórias onde são felizes e/ou fazem alguém feliz.
Nas versões mais recentes da história, sereias com capacidade de se transformarem são cada vez mais comuns, de forma que ao saírem da água podem se tornar humanas perfeitas.



~ Variações.

- Merrow: Lenda contada na Irlanda. Diz-se que as sereias lá são belíssimas, mas os tritões são extremamente feios. Geralmente suas aparições trazem em sequência uma furiosa tempestade, e por isso os Merrows são temidos pelos marinheiros. Os mais velhos contam que crianças geradas de relacionamentos entre Merrows e humanos têm nadadeiras entre os dedos e escamas nos pés.

- Seiren: Filhas do rio Achelous e da musa Terpsícore, tal como as harpias, habitavam os rochedos entre a ilha de Capri e a costa da Itália. Eram tão lindas e cantavam com tanta doçura que atraíam os tripulantes dos navios que passavam por ali para os navios colidirem com os rochedos e afundarem. Odisseu, personagem da Odisséia de Homero, conseguiu salvar-se porque colocou cera nos ouvidos de seus marinheiros e amarrou-se ao mastro de seu navio, para poder ouvi-las sem poder aproximar-se. Diz-se que, decepcionadas por terem falhado com ele, elas se jogaram no mar e nunca mais tornaram a aparecer por aquela região.
Na Grécia Antiga, porém, os seres que atacaram Odisseu eram na verdade, retratados como sendo sereias, mulheres que ofenderam a deusa Afrodite e foram viver numa ilha isolada. Se assemelham às harpias, mas possuem penas negras, uma linda voz e uma beleza única.

~ Happyakubikuni / Yaobikuni

Assim como no resto do mundo as sereias também fazem parte do folclore japonês.
A lenda do Happyakubikuni tem - como todas as outras por lá contadas - detalhes que variam conforme a região, mas basicamente é assim:

"No ano de 654, nasceu a filha de Takahashi, um homem poderoso e de grandes posses. A garota era perfeita e muito amada por sua família, e ao completar 16 anos, foi convidada junto à sua família para jantar na casa de um misterioso homem que aparecera como que do nada na vila, misturando-se aos outros habitantes.
Takahashi, sua família e mais alguns vizinhos foram até a casa do homem e lá se depararam com uma moradia extremamente luxuosa. Ainda que abismados com o tamanho do lugar, o homem os guiou por toda sua casa, mostrando-a de bom grado a eles. Mas, ao chegarem à cozinha, viram sobre a tábua de carne algo intrigante. Dois cozinheiros, parados próximos à tábua, cochichavam entre si, espantados com o que teriam de preparar.

'O que é isso..?'
'É isso que teremos de cozinhar?'

Takahashi pôde ouvir o receio no tom dos homens, e sabia que não era para menos. Sobre a tábua repousava uma criatura pequena; dos ombros para baixo era como um peixe, mas possuía dois braços esbranquiçados e uma cabeça infantil de cabelos ressecados. Na mão de um dos cozinheiros havia uma faca, mas ele não parecia muito à vontade em usá-la...

Algum tempo depois a refeição foi servida, mas nenhum dos convidados parecia conseguir tocar a comida, enojados. Takahashi, disposto a ir embora o quanto antes, resolveu despedir-se rapidamente, mas o homem entregou-lhe um embrulho com a carne da criatura embalada, como presente.
Ao voltar para sua casa, a filha de Takahashi parecia extremamente interessada no presente que seu pai recebera, e num descuido do mesmo, acabou comendo um pedaço, mas a surpresa fora imediata: a carne tinha um sabor inigualável, e tomada por seu gosto maravilhoso, a garota acabou comendo tudo que haviam recebido como cortesia.
Desse dia em diante a garota nunca mais envelheceu.

Muitos anos depois da morte de seus pais e familiares, a garota decidiu raspar todo seu cabelo e adotar o nome de Happyakubikuni. Ela peregrinou pelo país, pregando as doutrinas do budismo e levando palavras de fé para as pessoas. Diz-se que após "completar sua missão" ela se refugiou em uma gruta e de lá nunca mais saiu.

_______________


Lendas como essa onde a carne de sereia é consumida como uma espécie de "anti-envelhecedor" existem aos montes no Japão, mas essa é a mais famosa de todas. Em todas é dito que através de seu consumo a vida eterna é adquirida, mas há as mais 'macabras' onde quem ingere a carne da criatura se torna amaldiçoado, etc...

E você aí achando que Sereia é coisa da Disney, né?
Bom final de semana a todos =D


_____________________________________


PS do MEDO B: Um exemplo de filme que mostra uma sereia sem nenhuma beleza e que só traz desgraça a vida de uma pessoa, está em um dos videos da "série" Guinea Pig



Desagradável e desaconselhável como todos os outros... srsrsrs se vc ficou curioso...

Bons Pesadelos...

31 comentários:

  1. Muito bom post. Eu já conhecia a maioria das versões das histórias sobre sereias, mas não conhecia a versão japonesa.

    ResponderExcluir
  2. A versão japonesa é novidade pra mim também.

    Dizem os historiadores que a lenda grega das sereias seria a "original", onde elas eram meio peixes meio pássaros (o que faz sentido pelo belo canto, quase sempre presente nas versões da lenda), e nem um pouco bonitas.

    Quanto ao filme, passo. Morro de curiosidade de assistir qualquer dos Guinea Pig, mas sei perfeitamente que vou ficar sem dormir por um mês se o fizer... >.<'

    ResponderExcluir
  3. Oie,vejo o seu blog a um bom tempo e gostei muito dele.
    Estou ensando em escrever um texto sobre um crime misterioso que aconteceu num restaurante chines em São Paulo,num carnaval de 1896(eu acho,não sei extamente)eu gostaria de enviar este texto para voces quando eu escrever.
    Eu gostaria de saber oq é Guinea Pig.

    ResponderExcluir
  4. Só li a introdução, daqui a pouco leio o resto, é que quero avisar que o filme forbitem siren é baseado em um game de PS2 e PS3 (ou será wii?)é um dos meus favoritos, estilo silent hill experimenta João, vai gostar.

    ResponderExcluir
  5. Bom pra quem quiser ae baxa o guinea pig o link do torrente é:
    http://thepiratebay.org/torrent/4814715/Guinea_Pig_-_COMPLETE_Collection.%5BGS%5D

    O filme da sereia é o 4, se não me engano.

    Aproveitem ^^

    ResponderExcluir
  6. Legal a versão japonesa.Nunca parei pra pesquisar sereias sem ser da Disney X-X

    ResponderExcluir
  7. Como também sempre gostei da cultura grega já sabia da história de atrair os marinheiros para os paredões, mas sobre a imortalidade ao consumir a carne delas não sabia não!!! Muito legal!!!

    ResponderExcluir
  8. eu sou uma sereia e tenho um peito e bunda de 2 metros

    ResponderExcluir
  9. A versão japonesa é novidade pra mim também.[2]

    Ótima postagem!

    ResponderExcluir
  10. Oi "medo", adorei as postagem principalmente esta lá no meu blog eu posto várias coisas suas: "sinistramentesinistro-jhoey.blogpot.com".
    Eu sou super fã do seu blog já segui vc e sempre no meu blog eu divulgo o seu pena que não tem muitos seguidores...então quem quizé seguir tá aí o meu blog(medo não estou e nunca vou tomar o seu lugar vc eh o melhor)

    ResponderExcluir
  11. Tem um episódio da 4ª temporada de Supernatural [/sobrenatural, que fala sobre a lenda das séreias, mas do lado obscuro dela, se chama " Sex and Violence " e se eu não me engando é o 14 da temporada

    ResponderExcluir
  12. Fui ver Mermaid in a Manhole da série Guinea Pig, e não aguentei. Muito tenso. É nojento.. As lendas de sereias são um máximo, e o que mais anima a todos, acredito eu, é pensar nas profundezas do mar e imaginar o que será que existe lá..

    ResponderExcluir
  13. Muito bom o post, também não conhecia a versão japonesa.

    ResponderExcluir
  14. Gente, eu admirava as Happyakubikuni e não sabia. E tudo começando com a família do tal Takaracha Nokurazedo. Se bem que as lendas de seres marinhos com aparência humana são beeeemmm mais antigas.
    E vocês querem dizer “uma” das versões japonesas. E uma entre centenas, que relata uma história envolvendo uma “sereia”(?), não a origem. Imaginem quantas lendas sobre sereias existem em cada país do globo? As sereias em si datam de período bem mais antigo que a Grécia Clássica. Povos mais “idosos” já conheciam essa figuras. Nota apenas para o fato de que mulheres aladas seriam harpias não sereias. Talvez, essas lendas tenham se originado em povos que voavam e que vieram do mar, num distante passado.
    Como toda lenda, haverá sempre versões boas e maldosas. Mas, no geral, serão vistas como seres encantadores e queridos, sendo que outros seres maldosos vindos das profundezas ganharão nomes distintos. Parabéns pelo post. Um dos melhores até agora.

    ResponderExcluir
  15. bom,eu ja vi muita historia sobre sereia,mas essas todas pagam paul para sereia grega,ela foi a primeira e e a mais fodah,sobre o filme,uma pessoa normal e um filme tenso demais,para pessoas com ploblemas mentais [passaodiainteiroouvindo
    slipknotficadoidone}ou pessoas que ouvem muito heavy metal {comoeu} e um filme intereçante,e menos nojento que os outros da serie,e trta de um tema meio que estranho para a serie

    ResponderExcluir
  16. Uma vez assisti um filme chamado "A criatura da destruição". Nunca mais olhei para a Ariel do mesmo jeito.

    ResponderExcluir
  17. gnt existe sereia eu tenho amiga q ela é ela fez um trosso lá i viro :sss

    ResponderExcluir
  18. ALGUÉM ENTENDEU A ÚLTIMA MENSAGEM DO ANÔNIMO? AINDA VOU DESCOBRIR O QUE VCS TÃO CHEIRANDO POR AQUI.

    ResponderExcluir
  19. Nossaaa acabo com a minha visao de que sereias eram bonitinhas e amigas

    ResponderExcluir
  20. EU ja sabia algo sobre a lenda japonesa que é retratada em um anime de rumiko, aonde um homem e uma mulher comem essa carne e passam gerações tentando descobrir a cura, fora que não lembro bem mais algumas pessoas a comerem acabam com uma maldição e viram monstros grotescos. Desde pequena me interesso por sereias rssss

    ResponderExcluir
  21. além de saber a verdade das sereias gostei do jeito das sereias metade mulher e metade sereia .....!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  22. A primeira imagem é a capa do novo álbum do Sirenia, Perils of Deep Blue.

    ResponderExcluir
  23. A Iara não entra nesse meio de lendas?
    Não conhecia essa lenda japonesa, interessante.

    ResponderExcluir
  24. uau faz medo mesmo esse negosso de sereia eu nunca vi e nunca quero ve kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  25. Que punk!! Mas na minha opinião a graça das sereias, é justamento o mistério que as envolvem, ese lance de sereia bonitinha e boazinha nao rola..elas são belas sim, e usam esse trunfo a seu favor, atraindo marinheiros e depois os devorando ou algo maléfico do tipo.

    ResponderExcluir

Seu comentário será aprovado em poucas horas.
Não é permitido Spam nem divulgações aqui nos comentários.